Homepage do SNRIPD Grupo de pessoas segurando em conjunto um globo terrestre
  In�cio > Links
pesquisa
Ajuda na pesquisa

S�mbolo de Acessibilidade na Web


Arquivo de sites anteriormente em destaque

Doen�as cr�nicas

Integrada no portal da OMS, o Departamento de Doen�as Cr�nicas e Promo��o da Sa�de desta organiza��o mant�m, nas seis l�nguas oficiais da OMS, uma p�gina dedicada �s doen�as cr�nicas.

A t�nica � posta na preven��o, sendo disponibilizados materiais audiovisuais e interactivos para combater ideias feitas sobre esta tem�tica.

S�o facultadas informa��o sobre a situa��o em cada um dos pa�ses membros e s�nteses comparativas.

Est�o dispon�veis publica��es t�cnicas sobre a tem�tica gen�rica das doen�as cr�nicas e outras especializadas sobre algumas destas doen�as

Outros links sobre esta mat�ria:

Portal da Sa�de

Associa��o Portuguesa contra a Leucemia


Agence de la Sant� Publique (Canad�)

No submenu Organiza��es N�o Governamentais do menu Links da nossa p�gina pode encontrar os endere�os de v�rias associa��es portuguesas que trabalham nesta �rea


Open Prosthetics Project

O projecto Open Prosthetics baseia-se na filosofia "open source", divulgando livremente solu��es na �rea da engenharia de reabilita��o (mais concretamente relativas a pr�teses de membros). Segundo os procedimentos mais comuns, estas solu��es seriam comercializadas, mas, aqui, promove-se a colabora��o entre utilizadores, designers e patrocinadores para atingir um prot�tipo ideal, que � depois disponibilizado para quem o queira utilizar ou, ainda, melhorar Os relat�rios de produtos em desenvolvimento s�o apoiados n�o s� pelos textos descritivos como por pequenos filmes. Numa �ptica de coer�ncia, a pr�pria solu��o CAD (Computer Aided Design) adoptada pelo projecto � do tipo "open source"


ADVITA
Associa��o para o Desenvolvimento de Novas Iniciativas para a Vida

P�gina centrada na informa��o e solu��es para pessoas dependentes e/ou para os seus cuidadores, n�o descurando, no entanto, os aspectos da preven��o.

Pontos fortes deste site a destacar, s�o, nomeadamente:

conceitos e metodologias de avalia��o da depend�ncia;
informa��o, ao n�vel da divulga��o, sobre doen�as que conduzem a situa��es de incapacidade e sobre os diversos tipos de medicamentos e de acesso aos mesmos;
v�rias publica��es para download, entre elas o manual Um guia para o acolhimento residencial das pessoas em situa��o de defici�ncia : manual de boas pr�ticas;
lista de ONGS que trabalham nesta �rea;
informa��es eminentemente pr�ticas, como localiza��o de servi�os de sa�de ou a lista das farm�cias de servi�o


Sparadrap

Sparadrap � uma associa��o francesa cujo principal objectivo � ajudar as fam�lias e os profissionais em contacto com uma crian�a doente ou hospitalizada.
O seu site tem por isso uma forte componente l�dica e did�ctica, na parte que � destinada directamente �s crian�as - s�o-lhes propostos livros, revistas, jogos, visionamento de filmes, ou mesmo uma visita ao hospital.
Os pequenos internautas podem proporcionar o seu feedback, publicando desenhos ou pequenos textos, ou mesmo dando a sua opini�o sobre o site.
A p�gina apresenta ainda outras componentes, de car�cter essencialmente informativo, destinadas �s fam�lias, aos profissionais de sa�de, e aos jornalistas

Outros links sobre esta mat�ria:

Docteur Souris
ONG francesa que coloca meios inform�ticos ao dispor de crian�as hospitalizadas

Ciber-enfermarias

Sonrisa m�dica


Inside the brain: an interactive tour

Este site, produzido pela Alzheimer Association (EUA), apresenta uma ?viagem? que explica como o c�rebro trabalha e como a a doen�a de Alzheimer o afecta.
Passando o rato sobre �reas de texto em destaque s�o evidenciadas, nas imagens, as partes do c�rebro em quest�o, ao mesmo tempo que s�o exibidos blocos de texto explicativos.

Outros links sobre esta mat�ria:
Associa��o Portuguesa de Familiares e Amigos de Doentes de Alzheimer (APFADA)

Sociedade Portuguesa de Neuroci�ncias


N�o obstante incorporar uma vertente comercial, o portal dos psic�logos disponibiliza, sem qualquer encargo, muita informa��o. O n�cleo duro do portal s�o as v�rias especialidades da Psicologia, em rela��o �s quais s�o apresentados trabalhos acad�micos, artigos de opini�o e not�cias de actualidade. � poss�vel adquirir bibliografia ou baterias de testes, estando ambas as �reas organizadas por categorias. A sec��o de recursos disponibiliza, entre outros instrumentos de trabalho, o DSM-IV, a CID-10, dicion�rios? Integra igualmente o site uma �rea de apoio a estudantes (cursos existentes, legisla��o?) e a profissionais, estando dispon�vel, ali�s, um direct�rio de psic�logos, pesquis�vel por zona geogr�fica. Agendas de eventos e de forma��o completam a informa��o de actualidade. Mediante registo, pode participar-se nos foruns promovidos no �mbito deste site Outros links sobre esta mat�ria: Instituto Superior de Psicologia Aplicada Faculdade de Psicologia e Ci�ncias da Educa��o da Universidade de Lisboa Faculdade de Psicologia e Ci�ncias da Educa��o da Universidade do Porto Sindicato Nacional dos Psic�logos

Outros links sobre esta mat�ria:
Instituto Superior de Psicologia Aplicada

Faculdade de Psicologia e Ci�ncias da Educa��o da Universidade de Lisboa

Faculdade de Psicologia e Ci�ncias da Educa��o da Universidade do Porto

Sindicato Nacional dos Psic�logos


A Ag�ncia Europeia para o Desenvolvimento Em Necessidades Educativas Especiais � um organismo independente que agrupa institui��es de 19 pa�ses europeus trabalhando neste dom�nio, sendo suportada pelos Minist�rios da Educa��o dos pa�ses membros e tamb�m pela Uni�o Europeia (Comiss�o e Parlamento).

Na sua p�gina podem encontrar-se as publica��es decorrentes dos estudos promovidos pela Ag�ncia, muitas delas descarreg�veis.

Cada pa�s contribui com um conte�do local, que inclui uma breve hist�ria da educa��o especial e a situa��o actual, em mat�ria de legisla��o, de financiamento, de organiza��o, do tipo de respostas providenciadas.

Est� igualmente dispon�vel online uma base de dados que cont�m elementos de cada um dos pa�ses sobre a respectiva situa��o em mat�ria de transi��o escola-emprego.

A tem�tica da interven��o precoce foi recentemente autonomizada em p�gina pr�pria, para a qual existe liga��o.

Uma terminologia, em 19 l�nguas, dos conceitos utilizados na �rea das necessidades educativas especiais integra tamb�m os conte�dos desta p�gina.

Outros links sobre esta mat�ria:
Direc��o de Servi�os de Educa��o Especial e Apoio S�cio-Educativo da Direc��o-Geral da Inova��o e Desenvolvimento Curricular

Direct�rio espanhol sobre NEE

Forum de Estudos de Educa��o Inclusiva


Usabilidade

A p�gina pessoal de Jakob Nielsen, n�o teria aqui cabimento, n�o fosse ele o te�rico mundialmente reconhecido da usabilidade e da simplicidade, e n�o fossem aqueles dois conceitos aliados t�o poderosos da acessibilidade electr�nica.

Em destaque a sec��o Alertbox, coluna quinzenal de opini�o que refere conselhos de usabilidade na web.

Outros links sobre esta mat�ria:
Acesso
Programa Acesso da Unidade de Miss�o para a Inova��o e o Conhecimento (UMIC)

Certic
Centro de Engenharia de Reabilita��o em Tecnologias de Informa��o e Comunica��o da Universidade de Tr�s os Montes e Alto Douro

EDEAN
European Design for All e-Accessibility Network

EIAO
Observat�rio Europeu sobre a Acessibilidade na Internet

WAI
Web Accessibility Initiative, World Wide Web Consortium (W3C)


Ricability

P�gina do Research Institute for Consumer Affairs, uma organiza��o n�o governamental brit�nica que trabalha na �rea da defesa do consumidor, focalizada na investiga��o e testes de equipamento direccionado para as necessidades da terceira idade e de pessoas com defici�ncia. Os trabalhos t�m tamb�m uma vertente de preven��o, na �rea da seguran�a infantil.

Os testes realizados d�o origem a relat�rios, presentes no site, organizados em sec��es (incontin�ncia, alarmes, mobilidade?) e checklists relativos a v�rios tipos de equipamentos (torradeiras, m�quinas de lavar, micro-ondas?), para auxiliar o consumidor na respectiva aquisi��o/utiliza��o

Paralelamente, a organiza��o trabalha junto dos fabricantes, no sentido de sensibiliz�-los para a necessidade e as vantagens do design inclusivo e de uma informa��o sobre os produtos em formatos alternativos. V�rios textos de car�cter did�ctico, nesta perspectiva, integram tamb�m os conte�dos do site




Cat�logo de ajudas t�cnicas elaborado por utilizadores

O CEAPAT (Centro Estatal de Autonomia Personal y Ayudas T�cnicas), organismo oficial espanhol cujo principal objectivo � a difus�o de informa��o sobre ajudas t�cnicas, lan�ou um cat�logo, acess�vel atrav�s da Internet, em que s�o os utilizadores que desenham e divulgam diferentes adapta��es.

Este cat�logo pretende dar a conhecer a todas as pessoas que tenham alguma defici�ncia a exist�ncia de adapta��es que podem ajud�-las, ao mesmo tempo que servir de f�rum de utilizadores. O s�tio est� igualmente aberto a grupos ou entidades que queiram participar, trazendo iniciativas, em torno de um amplo conjunto de temas, que sirvam de apoio �s pessoas com defici�ncia: emprego, acessibilidade, vida quotidiana, transporte, etc.

A p�gina � gerida pelo CEAPAT e financiada pelo IMSERSO (Instituto de Migraciones e Servicios Sociales), e a sua principal novidade consiste em promover um espa�o para utilizadores com interesses comuns, de acesso livre e multilingue, em que se introduz e oferece informa��o sobre ajudas t�cnicas que n�o se encontram nos circuitos comerciais, que podem ser melhoradas ou modificadas conforme as necessidades particulares.

O grau de profundidade da informa��o apresentada � vari�vel, desde ajudas que s�o acompanhadas apenas dos dados mais b�sicos at� outras que t�m esquemas de funcionamento. Trata-se de um cat�logo em que o utilizador, para al�m de introduzir e localizar informa��o, pode aceder a f�runs, links de interesse, inserir an�ncios, e comprar, trocar ou doar diferentes materiais.

Introducir informaci�n ? apresenta um formul�rio em que o utilizador pode introduzir os dados b�sicos da ajuda t�cnica: nome, utiliza��o, materiais, processo de constru��o, etc. Tamb�m pode carregar-se fotos.

Buscar ayudas ? pesquisa de ajudas t�cnicas, segundo os seguintes crit�rios: local da habita��o onde instal�-la, denomina��o ou classifica��o ISO

Tabl�n ? sec��o em que o utilizador pode por an�ncios

Enlaces ? links para associa��es e entidades relacionadas com o desenvolvimento de ajudas t�cnicas

Mercadillo ? sec��o em que os utilizadores podem trocar, comprar, vender ou ceder ajudas t�cnicas de todos os tipos; os produtos est�o organizados por grandes grupos

F�rum ? interc�mbio de ideias, opini�es e informa��es

Contactar ? correio electr�nico

[Informa��o adaptada da revista ?Minusval?, Madrid, (149) Ene.-Feb. 2005, p. 60]

Outros links sobre esta mat�ria:
Ajudas t�cnicas
Tecnologia para a reabilita��o
Anditec
Tecnologias de apoio (avalia��o, forma��o, comercializa��o)
Centro Estatal de Autonomia Personal y Ayudas T�cnicas

Centro Dinamarqu�s de Ajudas T�cnicas (www.hmi.dk)

CERTIC
Centro de Engenharia de Reabilita��o em Tecnologias de Informa��o e Comunica��o da Universidade de Tr�s os Montes e Alto Douro

Handicat, Handicaps et Aides Techniques

Norm�dica / Ajutec
Feira da Sa�de/Feira Internacional de Ajudas T�cnicas e Novas Tecnologias para Pessoas com Defici�ncia

SIVA
Servi�o de Informa��o e Avalia��o de Ajudas T�cnicas




A ORPHANET � uma base de dados sobre doen�as raras e medicamentos �rf�os, � qual se acede gratuitamente.
� produzida por um cons�rcio de parceiros em v�rios pa�ses europeus, sendo o parceiro franc�s que gere o projecto.
As equipas de cada pa�s encarregam-se de recolher a informa��o sobre servi�os cl�nicos, investiga��o e grupos de apoio, a n�vel nacional, bem como de traduzir parte dos textos.
Embora se anuncie como destinado ao p�blico em geral, o site web da Orphanet tem uma abordagem diversificada para os diversos tipos de utilizadores que a ele podem ser recorrer: doentes, profissionais, grupos de apoio, ind�stria e p�blico pr�priamente dito.
Os servi�os dispon�veis est�o assim configurados e agrupados segundo tais tipos.
A todos eles, contudo, � comum a pesquisa por doen�a (nome completo ou truncado, ou c�digo da Classifica��o Internacional de Doen�as da OMS), ou, alternativamente, a apresenta��o, por ordem alfab�tica, das doen�as sobre as quais existe informa��o na base de dados.
Na sequ�ncia, � apresentada uma breve descri��o em portugu�s, tradu��o do abstract de um artigo cient�fico sobre a mat�ria, que tamb�m � poss�vel consultar (formato .pdf).
A partir daqui, e segundo o tipo de utilizador que se tenha escolhido, � poss�vel pesquisar consultas de apoio, projectos de investiga��o ou ensaios cl�nicos, testes de despistagem, sinais cl�nicos, redes de profissionais, medicamentos, redes de profissionais, laborat�rios, grupos de apoio, outros sites, registos da doen�a, em todos ou em cada um dos pa�ses cooperantes.
A Orphanet proporciona ainda, aos grupos de apoio, a possibilidade de criar /actualizar o seu pr�prio site.
Integradas na informa��o de base do site, est�o a defini��o de doen�as raras e de medicamentos orf�os, e as pol�ticas que, na Europa e noutros pontos do globo, s�o praticadas relativamente a estas quest�es.

Outros links sobre esta mat�ria:
RAR�SSIMAS
Associa��o Nacional de Defici�ncias Mentais e Raras
EURORDIS
European Organisation for Rare Diseases

Voltar



Vers�o Inglesa - Vers�o Francesa
Contacto: - �ltima actualiza��o do site: 29/06/2007
Copyright: SNRIPD. Todos os direitos reservados
Realiza��o:
Webdote.com - Innovative Solutions